Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Dossiê Cortinas
Tire suas dúvidas e defina a cortina certa para o seu caso.
1 – Numa parede com várias janelas, deve-se usar apenas uma cortina? Ou cada janela deve ter a sua?
R – Se o espaçamento entre elas, for menor que 0,30cms, aconselhamos uma única cortina. 0,50cms de espaço entre as aberturas já justificam peças individuais. As duas situações são possíveis, porém, quem optar pela primeira, deve estar consciente que poderá ver manchas de sombra na peça durante o dia.

2 – Que modelo de cortina é adequado para portas e janelas que abrem para fora e para dentro?
R – O ideal é deixar 0,30cm de varão a mais em cada lado da janela ou porta. Assim consegue-se acomodar o tecido quando as portas ou janelas estiverem abertas. Rolos, persianas e cortinas romanas são opções para quem não dispõe de espaço nas laterais.

3 – Ambientes visualmente integrados, como sala de jantar e estar, devem ter cortinas iguais?
R – Nessa questão os especialistas concordam que as peças precisam se repetir, se não causam estranhamento. Porém, quem não quiser cortinas idênticas, pode optar por diferenças sutis. “Uma é usar o mesmo tecido em modelos diferentes p/ex: um com pregas, o outro sem”, ou “um tecido liso, e outro xadrez com cores iguais”. Mais quem não estiver seguro melhor não arriscar.

4 – Quando usar forro e qual a sua função?
R – O forro protege a cortina nos locais onde bate muito sol, “os raios solares desgastam os tecidos”. O forro garante a durabilidade e a beleza dos materiais mais sensíveis, são muito usados em salas. Para dormitórios aconselhamos o uso do blackout que além de desempenhar as mesmas funções do forro elimina a claridade para quem quer dormir até mais tarde.

5 – Cortinas longas devem arrastar no chão?
R – Essa é uma decisão pessoal. Tecido sobrando suja, pode ser pisado e acaba rasgando. A maioria opta por usar cortinas que tocam levemente o piso “beijando o chão”. Porém, quem quer um ambiente mais clássico e até mesmo mais chic, deve deixar que o tecido arraste. São suficientes 2cms ou 3cms a mais na altura.

6 – Em que situações é possível usar cortinas curtas que não vai até o chão?
R – Na opinião dos especialistas “cortinas devem ser longas sempre” defendem que é mais elegante. Porém, aconselhamos que deve-se usar cortinas curtas "para janelas" e cortinas longas "para portas". Praticidade acima de tudo: acumula menos poeira e proporciona leveza ao ambiente.
Proxima

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 
Redes Vitória © Todos os direitos reservados - FONE (85)3223-4203